São Patrício


Nome: São Patrício

Nascido em: Escócia, 385

Padroeiro: Irlanda, Nigéria

Males: Medo de cobras

Biografia: São Patrício nasceu em 385, provavelmente na Escócia. Aos 16 anos foi capturado pelos piratas e vendido como escravo na Irlanda, de onde conseguiu fugir seis anos depois.
Foi para a França onde passou uma temporada no Mosteiro de Marmontier. Lá conheceu São Martinho. Depois em Auxerre, sob a orientação de São Germano, fez teologia, ordenando-se sacerdote. Em 432 foi para Roma onde recebeu a sagração das mãos do Papa Celestino. Seguindo a sugestão do Papa, voltou para a Irlanda como evangelizador.
Devido aos tempos em que lá esteve exilado, Patrício já conhecia os costumes daquele povo. Arquitetou então um plano bastante inteligente para iniciar a evangelização, sem agredir a tradição local.
Fundou mosteiros, incentivou e formou o clero local, criou pequenas comunidades. Cativou e converteu os representantes políticos e populares. A partir dos chefes tornava-se mais fácil atingir a massa popular. E foi o que aconteceu. Sua obra obteve grandes resultados. Alguns anos mais tarde toda a Irlanda estava convertida. São Patrício é chamado o apóstolo da Irlanda.
Em Confissão, São Patrício explica que seu trabalho de missionário é resultado da obediência à vontade divina.
Morreu em 461, em Ulster.
São Patrício é para nós um grande modelo. Soube aceitar com inteligência o que a vida lhe proporcionou. Acatou os ensinamentos e orientações daqueles que Deus colocou em seu caminho e os pôs em prática. Foi dirigido por dois Santos, Martinho e Germano, e através de sua missão desempenhada com coragem e amor, tornou-se Santo formando ainda outros.

Orações: Senhor, Pai de misericórdia, nós vos pedimos perdão por não acatarmos a missão para a qual fomos chamados. Perdão, pois ao invés de nos propormos a ouvir a vossa voz em nosso coração, nos distraímos com lamúrias e reclamações. Perdão por não transformarmos em bênçãos tudo aquilo que a princípio nos parece penoso e injusto. Dai-nos inteligência, sabedoria e coragem para que, com a experiência de vida que adquirimos, possamos levar vossos ensinamentos aos que ainda não o conhecem. Amém.
São Patrício, rogai por nós.
São José, rogai por nós.
Maria, Rainha dos Apóstolos, rogai por nós.

 

Volta